Por Detrás

Miss Scarlet Red
Colado no azul
Dos olhos meus,
Escondo-te entre os cirros
De rosas contrastados,
Suspensos no oco
Do silêncio.
Na anormal apatia,
Sufocam-se os anseios
Da saudade de ti
Que espreita
P'lo umbigo.

Num beco encontrei
Um robusto coração
Onde imaginei o meu abrigo
De paus, folhas e algodão.

22.12.2011 & 03.08.2012

4 degraus subidos:

  1. Lindo poema ... haja sempre Esperança!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ela é que teima em não nos deixar :)
      Bigada e beijinho*

      Eliminar
  2. O amor não pode ser vivido sempre na imaginação!
    Há que o concretizar... só aí ele comporta a dimensão física que lhe é essencial.

    Beijos,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que palavras, mfc!! Esse é o objetivo :) Há que não baixar os braços...
      Beijinho*

      Eliminar

Inspira. Escreve.